Volante do Figueirense tem motivação especial para o clássico ante Avaí: “Ainda não venci”

O clássico Avaí x Figueirense, às 16h30min desta sábado, tem uma motivação especial para um jogador do lado alvinegro. O volante Zé Antônio tem como uma missão comemorar um triunfo no duelo na Ressacada, válido 24ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Terceiro nome da equipe em quantidade de partidas na temporada, com 39, o atleta quer ter o gosto de vencer o arquirrival do Figuera.

— Ainda não vencemos. Sofremos uma derrota em casa no clássico e vamos com força total agora. É mais que especial para mim, ainda não venci o maior rival e espero fazer história com meus companheiros — disse o jogador, em entrevista coletiva nesta quinta-feira.

Os últimos dois treinamentos do Figueira, na quarta e nesta quinta-feira, foram fechados, sem acesso da imprensa. No entanto, é improvável que Zé Antônio não comece o duelo na Ressacada como titular. A grande dúvida que a equipe deve levar até instantes de a bola rolar é quem será seu companheiro no miolo alvinegro: Matheus Sales, que cresceu de rendimento nos jogos mais recentes, ou Betinho, titularíssimo até a lesão que o deixou quase um turno de Série B completo fora dos jogos.

— Independe, eu sou primeiro volante e os outros dois têm característica de chegada. A função de um ou de outro, é bem parecida. Cada um com suas virtudes, qualidades, eles têm boa chegada — desconversou o volante.

 

Fonte: JSC | Foto: Luiz Henrique

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário