Réguas para medição do nível do Itajaí-Açu serão reinstaladas, em Blumenau

Depois de sete anos a talude da margem direita do rio Itajaí-Açu no Centro de Blumenau terá novamente as réguas para medição do nível do principal curso d’água da região. Elas serão fixadas junto à ponte Adolfo Konder, mesmo local em que estavam até setembro de 2011, quando a maior parte dos equipamentos foi levada pela enchente que atingiu a cidade.

Hoje a medição é feita em uma régua que está fixada em um dos pilares da ponte, mas segundo o coordenador do Centro de Operação do Sistema de Alerta (Ceops), Dirceu Severo, a visibilidade é ruim e nem sempre é possível conferir corretamente o nível do rio. Há também dois sensores que monitoram o nível do Itajaí-Açu. Um deles, fixado na ponte, funciona com ondas de radar e outro, submerso, faz a medição com base na pressão. Uma régua convencional é necessária para aferir a precisão dos sensores e também para suprir uma eventual pane nos equipamentos eletrônicos.

As réguas foram adquiridas pela Secretaria Municipal de Defesa do Cidadão e seriam instaladas por técnicos da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri) na semana passada, mas a chuva e o nível mais alto do rio impediram o serviço. A instalação agora está condicionada à melhora do tempo e à disponibilidade dos técnicos de Florianópolis.

 

Fonte: NSC | Foto: Patrick Rodrigues

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário