Pagamento das cotas do PIS/Pasep será retomado nesta quarta-feira

Saque ficou bloqueado por mais de 30 dias para a correção dos valores. Quem deixou para retirar o dinheiro agora terá reajuste de 8,97%

O pagamento dos fundos do PIS/Pasep será retomado nesta quarta-feira, dia 8 de agosto, após ter sido interrompido em 30 de junho.

A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil irão depositar os valores nas contas dos seus clientes com menos de 60 anos corrigidos em 8,97% – percentual de rendimento referente ao exercício 2017-2018.

E de 14 de agosto a 28 de setembro, Caixa e o Banco do Brasil atenderão os beneficiários com valores a sacar que não são clientes destes bancos. Essas pessoas terão que fazer suas retiradas nas agências ou em outras unidades.

A expectativa do governo federal é de que 16 milhões de pessoas com idade inferior a 60 anos possam sacar R$ 16 bilhões PIS/Pasep até o final do calendário.

A permissão para esses saques vale até 28 de setembro. Após esta data, volta a valer a regra anterior, que libera o pagamento para maiores de 60 anos.

Têm direito ao benefício pessoas que trabalharam com registro em carteira entre os anos de 1971 e 1988 e não sacaram valores anteriormente. Quem contribuiu após 4 de outubro de 1988 não tem direito.

Isso ocorre porque a Constituição, promulgada naquele ano, passou a destinar as contribuições do PIS/Pasep das empresas para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), que paga o seguro-desemprego e o abono salarial, e para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Retomada dos saques dos Fundos PIS/Pasep

Para saber se tem direito ao benefício, o trabalhador pode acessar os sites relativos ao PIS(trabalhadores do setor privado) ou ao Pasep (trabalhadores do setor público).

Calendário de saques

– Crédito em conta na Caixa Federal e no Banco do Brasil: quarta-feira (8)
– Atendimento nas agências Caixa ou Banco do Brasil: 14 de agosto a 28 de setembro*
*Cotistas com mais de 60 anos podem sacar independentemente do cronograma

Saques na Caixa Federal

 Quem não é cliente poderá sacar valores até R$ 1,5 mil nos terminais de autoatendimento com a senha do Cartão do Cidadão. Se preferir retirar o dinheiro em casa lotérica ou correspondente Caixa Aqui, será preciso ter o cartão, além de documento oficial de identidade com foto.
– Saques de até R$ 3 mil podem ser nos terminais do banco, nas lotéricas ou nos correspondentes, desde que com o Cartão do Cidadão, senha cadastrada e documento com foto.
– Valores acima de R$ 3 mil devem ser sacados nas agências, com documento com foto.

Saques no Banco do Brasil

– Quem não for cliente do banco e tiver saldo de até R$ 2,5 mil pode transferir os valores via TED para conta em outro banco.
– Para quem sacar o dinheiro nas agências, será preciso apresentar documento de identidade.

Fonte: Gaúcha ZH | Foto: Divulgação

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário