Nove pessoas morrem em acidentes nas rodovias de Santa Catarina, no fim de semana

Pelo menos nove pessoas morreram nas rodovias federais e estaduais de Santa Catarina em acidentes registrados neste fim de semana. Nas rodoviais federais, foram registradas quatro mortes até madrugada de domingo, 28 de outubro. Já nas estaduais, cinco pessoas morreram — quatro delas em um mesmo acidente, que deixou quatro vítimas fatais.

Em Ponte Alta, na Serra, um homem morreu na manhã de sábado, dia 27, após uma colisão no km 169 da BR-116. Um automóvel Chevrolet Corsa, com placas de Clevelândia (PR), colidiu de frente com um caminhão Volkswagen VW com placas de Maringá (PR) de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Um terceiro veículo, Chevrolet Classic com placas de Agrolândia, no Vale do Itajaí.

O condutor do Corsa, identificado como Andrey Felipe Provenzi, de 28 anos, morreu com o impacto da colisão. Ele era policial militar do município de Caçador, no Oeste do Estado.

Os motoristas do caminhão e do Classic, dois homens de 39 e 35 anos, respectivamente, não tiveram ferimentos.

BR-282

Em Rancho Queimado, na Grande Florianópolis, uma mulher morreu na tarde de sábado, após um acidente registrado no km 53 da BR-282.

O acidente envolveu três veículos: um automóvel Hyundai IX35, com placas de Florianópolis, um Fiat Palio de Rancho Queimado e um Fiat Strada de São José. Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os automóveis teriam colidido frontalmente.

A vítima, condutora do Hyundai, morreu com o impacto da colisão. O condutor do Palio, um homem de 66 anos, teve lesões leves. Dois jovens que estavam no Fiat Strada, dois homens de 25 anos e 22 anos, não tiveram ferimentos.

BR-116

Na noite de sábado, um homem morreu após um acidente envolvendo um automóvel e um caminhão na BR-116 em Correia Pinto, na Serra catarinense.

A vítima conduzia um Fiat Strada com placas de Ponte Alta, na região serrana do Estado, que teria colidido de frente com um Ford Cargo de Caxias do Sul (RS) no km 226 da rodovia federal.

O homem de 44 anos morreu com o impacto da colisão. O condutor do caminhão, um homem de 57 anos, teve lesões leves conforme informações da PRF.

BR-470

No Vale do Itajaí, um acidente em Pouso Redondo na madrugada de domingo, resultou na morte de um jovem de 20 anos na BR-470. A colisão aconteceu na localidade de Aterrado Torto, no km 169 da rodovia federal.

Um automóvel Ford Ranger de Pouso Redondo saiu da pista e colidiu contra uma árvore. O condutor do veículo morreu no local de acordo com o Corpo de Bombeiros de Pouso Redondo.

Conforme informações apuradas pela reportagem do Jornal de Santa Catarina, esta é a 80ª morte registrada na BR-470 neste ano.

Rodovias estaduais

SC- 443

Uma mulher e três homens morreram após um acidente registrado na noite de sábado, na SC-443, no Morro da Fumaça, Sul de Santa Catarina. A colisão aconteceu por volta das 22h, no km 18 da rodovia estadual.

Um automóvel Volkswagen Santana, com placas de Braço do Norte, teria invadido a frente de um Ford Ka com placas de Meleiro de acordo com a Polícia Militar Rodoviária do município.

O motorista do Ford Ka morreu no local do acidente. Uma mulher de 29 anos, passageira do veículo, chegou a ser encaminhada em estado grave ao hospital de São Roque, no Morro da Fumaça, mas morreu na unidade conforme informado pelo Corpo de Bombeiros Militar do município, que socorreu as vítimas. As outra duas vítimas estavam no Santana e morreram com o impacto da colisão.

SC-410

Também na noite de sábado, um homem morreu após um acidente envolvendo uma motocicleta e uma bicicleta, na SC-410, em São João Batista, na Grande Florianópolis. A colisão aconteceu por volta das 20h30, no km 20 da rodovia estadual, próximo à Canelinha.

O condutor da motocicleta Honda NXR 150, com placas de São João Batista, trafegava em direção ao município quando uma bicicleta teria invadido a frente do motociclista, resultando na queda dos dois condutores de acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv). Em seguida, um carro que transitava na rodovia atropelou o motociclista, de 48 anos, que morreu no local.

O ciclista, identificado como Walace Clarindo, de 29 anos, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros de São João Batista e encaminhado em estado grave ao Hospital Municipal Monsenhor José Locks de acordo com a PMRv. Ele foi transferido para o Hospital Regional de São José na manhã deste domingo, por volta das 5h30. Conforme a unidade, ele teve uma fratura na perna esquerda e seu estado de saúde é estável.

O veículo que atropelou o motociclista fugiu do local sem prestar assistência à vítima. Por essa razão, segundo a PMRv, não há informações sobre o condutor.

 

Fonte: Diário Catarinense | Foto: Polícia Rodoviária Federal

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário