Manifestantes fazem bloqueios simultâneos em vias do Recife em protestos por moradia

Atos acontecem, na manhã desta quarta-feira (11), em ao menos três pontos da cidade. Grupo cobra programas de moradia popular e critica o Governo Temer.

Centrais sindicais e movimentos sociais realizam bloqueios simultâneos em vias do Grande Recife, na manhã desta quarta-feira, dia 11 de outubro.

No horário de pico do trânsito, o protesto está causando diversos pontos de engarrafamentos na cidade.

Os atos acontecem em defesa de programas de moradia popular e contra o governo do presidente Michel Temer.

Os bloqueios acontecem em ao menos três pontos da cidade. Um deles é a Avenida Agamenon Magalhães, na área central do Recife, no sentido Olinda/Boa Viagem.

Há manifestação também na Avenida Cruz Cabugá e no Cais de Santa Rita, no Centro.

Por volta das 8h, um grupo de manifestantes fechou os dois sentidos da Avenida Cruz Cabugá, na área central do Recife. Eles colocaram fogo em pedaços de madeira e pneus. Uma grande fumaça se formou no local.

Por causa da interdição, veículos estão buscando rota alternativa e pegando a contramão para tentar fugir do protesto. Passageiros de ônibus desistiram de esperar o fim da manifestação e desceram dos coletivos para seguir viagem a pé.

Foto: Camila Torres

Foto: Camila Torres

Ao mesmo tempo, outro grupo colocou fogo em destroços e pneus no Cais de Santa Rita, na área central do Recife. Sem rotas alternativas para os motoristas, o engarrafamento reflete até o início do Cabangá.

A Autarquia de Trânsito e Transporte do Recife (CTTU) pede que os motoristas evitem essa rota e orienta que eles acessem essa região pela Avenida Agamenon Magalhães.

Porém, a Avenida Agamenon Magalhães também regista um ponto de bloqueio. Uma grande fumaça é vista a distância. Isso porque manifestante fecharam o sentido Olinda/Boa Viagem e ateraram fogo em pneus.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também registrou uma interdição no quilômetro 71 da BR-101, no Barro, Zona Oeste do Recife. O bloqueio ocorreu por volta das 8h50, mas a via foi logo liberada.

Fonte: Portal G1 | Foto: Reprodução

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário