Lei de Inovação entra em vigor em Rio do Sul

Proposta concede isenções fiscais para projetos que envolvam a inovação e a tecnologia no município

Cidades que não inovam e que não incentivam o uso da tecnologia como ferramentas para gestão fatalmente ficam para trás no difícil caminho do desenvolvimento.

E é pensando nisso que Rio do Sul ganha mais um aliado no fortalecimento de políticas públicas e incentivo para geração de novas oportunidades de negócios, geração de emprego ou soluções práticas e modernas.

Entrou em vigor na terça-feira, dia 28 de agosto. a Lei Complementar 324/2018, também chamada de “Lei da Inovação”, projeto que define novos rumos da inovação em Rio do Sul

A lei, criada em parceria entre a prefeitura e os núcleos de Inovação e de Informática da ACIRS e a Câmara de Vereadores, tem como propósito estabelecer medidas de incentivo e apoio às ações e estratégias de Ciência, Tecnologia e Inovação no ecossistema empresarial, empreendedor, acadêmico e social de Rio do Sul.

Será criado o Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação (CONCITI) que contará com a participação das entidades empresariais, setor público e instituições de ensino superior.

Através da lei o município poderá prover apoio econômico, financeiro e institucional às ações, projetos e programas voltados à inovação. Os incentivos oferecidos podem ser a isenção de até 90% do IPTU, 90% relativos a Alvará de Construção e Alvará de Permanência e 90% do ITBI.

Esses incentivos serão analisados pelo CONCITI. Além disso, a lei prevê ainda incentivos materiais e de capacitação.

“É uma conquista da nossa cidade e só há ganhos. Rio do Sul é um grande campo de ideias e projetos de tecnologia que buscam reduzir custos, melhorar a gestão, a eficiência e resolver problemas. E a prefeitura precisa estar atenta a este tipo de tendência que é mundial. Seja para fomentar novos negócios e estratégias econômicas, ou até mesmo para ferramentas de uso público, nós demos um grande passo para o desenvolvimento da cidade”, comenta o prefeito José Thomé.

Fonte: Clóvis Eduardo Cuco | Foto: Imagem Ilustrativa

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário