Jovem de 28 anos está na UTI após briga dentro de clube em Timbó

Por volta das 1h45 de domingo, 2 de Fevereiro, foi registrado uma briga dentro d0 Clube Ordina no bairro Dona Clara, em Timbó.

Segundo relatos da irmã de Vanderlei da Cruz, de 28 anos ao Portal Misturebas, sua irmã W.L estava com o Vanderlei e seu cunhado F.L na pista 1 do clube, quando Vanderlei resolveu ir até a pista 2.

Momentos depois começou a correria, subiram todos para a pista 2 para ver o que havia acontecido e, quando chegaram, encontraram Vanderlei no chão desacordado. Conforme nota do proprietário do Clube ao Portal Misturebas, os seguranças levaram o jovem até a entrada, onde foi realizado os primeiros atendimentos do Brigadista, que relatou que Vanderlei estava consciente, sinais vitais normais, e que iria chamar uma ambulância, mas acabou sendo levado pelos amigos e irmã até o Pronto Socorro do Hospital Oase de Timbó.

No hospital, a irmã conta que realizaram o atendimento, e após aproximadamente duas horas de observação, ele foi liberado para ir para casa, pois segundo o hospital ele já estaria em condições de ir embora. Vale lembrar que não foi realizado nenhum exame, mesmo sofrendo pancadas na cabeça na hora da briga.

Ao chegar em casa, Vanderlei começou a ter convulsões, sendo encaminhado pela irmã novamente ao Hospital. Quando chegou pela segunda vez no hospital, foi avaliado a gravidade do caso e encaminharam imediatamente para o hospital Santa Isabel de Blumenau.

Com informações coletadas da família no salão com frequentadores e o dono, haveria um mandante desse ato de crueldade, que teria sido praticado por duas pessoas, que até o momento não podem ser divulgadas, pois foi registrado um B.O para investigar o caso e verificar os possíveis suspeitos. Os envolvidos na briga fugiram logo em seguida do clube, não sendo mais localizados até então.

O jovem Vanderlei passou por uma cirurgia no cérebro na segunda-feira, e segue em estado grave na UTI do Hospital Santa Isabel.

Segundo informações da médica do hospital Santa isabel para família, houve negligência por parte do hospital em não ter feito exames de Raio X principalmente, pois Vanderlei havia sofrido várias lesões na cabeça.

O Portal Misturebas entrou em contato com o Hospital Oase, que emitiu a seguinte nota:

¨A direção do Hospital e Maternidade Oase informa que em relação ao caso citado, está tomando conhecimento do ocorrido e estará avaliando a conduta juntamente com a equipe médica.¨

A família pede ajuda para encontrar os suspeitos desse ato de brutalidade!

Redação Misturebas

4 Respostas

  1. Como sempre eles lavam as maos quando meu filho 18 anos faleceu tbm teve negligencia mas eles nunca sao culpados nada em concequencia a familia sofre na perda

  2. Seu comentário*várias e várias vezes ouvi comentários sobre mal atendimento no pronto atendimento em Timbo pois também minha esposa foi por três vezes e não foi feito radiografia pois estava com apendici estourando só davam Buscopan e mandavam pra casa , levei ela pro Santa Catarina em dois minutos o médico de plantão identificou ,que pena que os médicos estão desaprendendo a examinar os pacientes com consequências morrendo lamentável

  3. Eu n irei descansar até achar essas pessoas que fizeram isso com o meu amigo

  4. Realmente é lamentável….mas é falta de seguranças treinados e habilitados que faz com que isso aconteça….
    E no hospital só permanessem residentes aprendendo com o povo como se estivessem em prova….se erraram é só descartar a folha e tentar de novo!!!
    Um absurdo…falta médicos de verdade nos plantões!!!

Deixe um comentário