Ibirama entra para o mapa do Turismo brasileiro

Conhecida pelos belos panoramas e uma natureza exuberante, que propicia a prática de esportes radicais e de aventura, esta semana Ibirama foi certificada pelo Ministério do Turismo, e entra oficialmente no Mapa do Turismo Brasileiro 2017-2019.

A certificação é uma maneira de comprovar que o município faz parte do rol de 3.285 destinos brasileiros que trabalham o Turismo como política de desenvolvimento econômico e geração de empregos e renda.

De acordo com o diretor de Turismo de Ibirama, Norberto Weinrich, o Neco, uma das vantagens de se obter o documento diz respeito à priorização de investimentos federais destinados ao turismo dos municípios. “Com a certificação, teremos maior facilidade de acessar recursos federais para realização de investimentos, pois a certificação comprova o engajamento do município no setor”, afirmou.

O prefeito de Ibirama, Adriano Poffo, comemorou a conquista, e afirmou que o Turismo poderá se tornar um dos principais alicerces da economia no município. “A natureza que embeleza nossas localidades do interior, a arquitetura enxaimel e o ambiente propício para a prática de esportes radicais e de aventura, credencia Ibirama a ser uma das principais cidades turísticas de nossa região”, pontuou.

Ferramenta de gestão

O Mapa do Turismo é um instrumento instituído no âmbito do Programa de Regionalização do Turismo que orienta a atuação do Ministério do Turismo no desenvolvimento das políticas públicas. É ele que define o recorte territorial a ser trabalhado prioritariamente pelo Ministério, incluindo ações de infraestrutura turística, qualificação profissional e promoção dos destinos, observando características peculiares de demanda e vocação turística de cada município.

As cidades que o compõem atualmente foram indicadas por órgãos estaduais de turismo em conjunto com as instâncias de governança regional, a partir de critérios construídos em conjunto com o Ministério do Turismo, como, ter o Conselho de Turismo constituído.

A próxima atualização do Mapa acontecerá em 2019, podendo haver entrada e saída de municípios, a depender dos critérios estipulados por legislação vigente.

 

Fonte: Prefeitura de Ibirama | Foto: Rafael Beling

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário