Hacker de Joinville fazia ameaças de morte para conseguir fotos nuas de adolescentes

A Polícia Civil, por meio da DPCAMI de Joinville, cumpriu na quinta-feira, dia 7 de junho, um mandado de busca e apreensão em uma lan house e numa residência localizada na zona sul do município, a fim de apreender equipamentos eletrônicos e de informática (computadores e HDs entre outros).

Os equipamentos foram recolhidos e serão periciados para identificar um hacker que atuava no município de Joinville.

A investigação começou depois que adolescentes procuraram a DPCAMI alegando que estavam sofrendo ameaças por parte de um hacker.

De acordo com o depoimento das adolescentes o hacker simulava ser menina para se aproximar das garotas e, depois disso, começou a pedir fotos nuas. Caso contrário ele dizia que mataria suas famílias. As vítimas são todas do estado do Paraná.

O Crime está previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (Art. 241-B). Adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente.

Fonte: São Bento Notícias | Foto: Divulgação

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário