Funcionário da CBF quebra copo na cabeça de torcedor que hostilizava presidente da entidade

Um episódio inusitado obrigou que a CBF mandasse um funcionário presente na Rússia de volta para o Brasil. Na noite da última quinta-feira, 21 de junho, Gilberto Barbosa, assessor da presidência da entidade, quebrou um copo na cabeça de um torcedor brasileiro. O motivo: o homem, identificado como Alexandre Nazareno, teria hostilizado Coronel Nunes, presidente da Confederação Brasileira de Futebol.

De acordo com o colunista Ancelmo Gois, do jornal O Globo, o fato ocorreu em um restaurante de São Petersburgo, onde a Seleção Brasileira enfrenta a Costa Rica pela segunda rodada da Copa do Mundo. Após o incidente, a CBF orientou que Barbosa voltasse para o país já nesta sexta-feira, 22 de junho.

Esta não é a primeira vez que Coronel Barbosa vira notícia na Rússia. Na semana passada, o mandatário do futebol brasileiro descumpriu o acordo com a Conmebol e votou no Marrocos na escolha da sede da Copa de 2026 após se comprometer a apoiar a candidatura da América do Norte – formada por Canadá, Estados Unidos e México.

 

Fonte: GaúchaZH | Foto: Rafael Ribeiro/CBF

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário