Criança de 2 anos é abandonada pela mãe em calçada, em Itajaí

Um menino de 2 anos foi abandonado pela mãe em uma calçada em uma rua movimentada em Itajaí, no Vale. A criança foi levada para um abrigo e, dois dias depois do abandono, a mulher procurou o Conselho Tutelar pra dizer que quer o filho de volta. A Justiça tem um ano e meio para analisar o caso e decidir quem vai ficar com o garoto.

O caso ocorreu no sábado, 2 de junho. Comerciantes e moradores se aproximaram para tentar ajudar o menino. “Estava com bastante fome. Até inclusive minha cunhada deu comida para ele. Ele juntava as coisinhas do chão, corria”, disse Elizabeth Coelho.

A Polícia Militar foi chamada e denunciou a mãe à Polícia Civil por abandono de incapaz. O Conselho Tutelar levou o menino para um abrigo. Junto com a criança, encontraram várias sacolas. Dentro, havia documentos do menino, como a certidão de nascimento e a carteirinha de vacinação.

Porém, dois dias depois do ocorrido, a mãe procurou a conselheira tutelar Anadir Schneider e disse que quer ficar com o filho.

“Ela mesma chamou a polícia para entregar a criança devido a ela não ter, naquele momento, como cuidar da criança e onde morar porque parece que ela foi despejada da casa ou alguém pediu o quarto onde ela morava”, disse.

Quando a polícia chegou no local, a mãe não se identificou para os policiais. O Conselho Tutelar tem recebido outras denúncias em relação à mulher.

“De ela sair e deixar o menino sozinho, do menino sair pela rua sozinho, sem cuidados de adulto”, disse a conselheira.

Fonte: Portal G1 | Foto: Reprodução

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário