Buracos tomam conta da Rua Anfilóquio Nunes Pires, uma das principais ruas de Gaspar

Desviar de um buraco e, em seguida, se deparar com outro. Essa é a rotina de quem passa pela rua Anfilóquio Nunes Pires, via que corta os bairros Bela Vista e Figueira, liga Gaspar à Blumenau e recebe intenso tráfego de veículos de quem usa o município como passagem. Além do intenso movimento de veículos, a rua também é bastante utilizada por pedestres e ciclistas, que precisam utilizar o acostamento.

Apesar de ser uma das principais ruas da cidade, ela encontra-se com uma enorme quantidade de buracos, remendos e desníveis. Para tentar evitar danos nos automóveis, muitos motoristas optam por passar pelo acostamento, colocando em risco a vida de pedestres e ciclistas. O empresário Rafael Luiz Cardoso, que tem empresa às margens da via há 40 anos, relata que já presenciou acidentes de trânsito em decorrência dos desvios que os motoristas fazem para não passar pelos buracos. “Já aconteceu acidentes por causa disso, principalmente entre motociclista e carro. A moto vai fazer aquela ultrapassagem comum, na lateral, o carro vai desviar do buraco e acontece a colisão”.

O empresário exemplifica com a situação passada por um de seus funcionários. “Ele vinha de Blumenau para trabalhar. Subiu em cima da calçada pra desviar de um buraco e um carro acabou acertando ele”, relata, contando que o acidente ocorreu há cerca de quatro meses e que o funcionário não se machucou, mas teve danos materiais.

Piores trechos

Ao passar pela grande extensão da rua Anfilóquio Nunes Pires, é possível verificar cinco trechos em piores condições: a reta no bairro Bela Vista, entre os Correios e a loja Comercial Bela Vista; entre as empresas Fantoni e a Malhas Soft; entre as empresas Tony Granipedras e tinturaria Chantelle; em frente à floricultura Flora Cheiro de Terra; e em frente ao antigo posto de gasolina Deggau. Entretanto, durante toda a rua, é possível encontrar buracos e remendos que estão se desfazendo.

O marceneiro Osnildo Mansueto da Silva é morador de Blumenau, mas trabalha há 12 anos em uma empresa no bairro Figueira. Ele passa todos os dias por alguns dos trechos citados. “Eu passo aqui todo dia e é sempre essa buraqueira, principalmente na frente da empresa em que trabalho até a loja Havan. É uma vergonha. Há uns cinco ou seis anos foi feito uma revitalização, mas de lá pra cá, só tapa buracos”.

Recentemente, a via recebeu pintura da sinalização horizontal de trânsito. Porém, o empresário Rafael Luiz Cardoso ressalta as condições em que o reparo foi feito: “Eles pintaram a rodovia em cima dos buracos. Não se deram o trabalho de fazer a recapagem pra depois pintar. A via está sinalizada, mas os buracos estão aí”.

Indicação

A situação da rua Anfilóquio Nunes Pires é crítica e antiga. O vereador Ciro Quintino já apresentou na Câmara de Vereadores de Gaspar duas indicações para manutenção da rua: uma em 31 de julho, direcionada a um buraco específico; e outra no dia 13 de novembro, pedindo a revitalização completa. Para o vereador, as obras na via devem ser prioridade do município. “A comunidade vem cobrando que seja feita a manutenção emergencial pelo menos enquanto a via não é toda recuperada. A situação hoje está calamitosa e é comum ver vários veículos invadirem o acostamento ou até mesmo a pista contrária para desviar dos buracos. Essa rua é uma das principais do nosso município. A manutenção dela deve ser uma prioridade”.

O que diz a prefeitura

De acordo com a Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Gaspar, a revitalização da rua Anfilóquio Nunes Pires faz parte do programa ‘Avança Gaspar’. A obra deve iniciar este ano.

 

Fonte: Cruzeiro do Vale

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário