Blumenauenses garantem duas vagas no mundial de profissões da Rússia

Dois catarinenses já garantiram vagas na WorldSkills Competition 2019, que será disputada na Rússia.

Eduardo Hermann e Gabriele Raiser, de Blumenau, conquistaram ouro em gestão de sistemas de redes TI e vitrinismo, respectivamente.

As provas foram realizadas em Manaus (AM) e em Boa Vista (RR).

Outros 26 estudantes vão tentar garantir suas participações na delegação brasileira.

A partir de hoje, dia 11 de junho, Gabriel Panca Ribeiro, de Tubarão, disputará o ouro em soluções de software para negócios.

A prova será realizada em Palmas (TO).

Marielle Fernanda Rech, de Joinville, vai a Taguatinga (DF) concorrer na ocupação confeitaria.

COMO FUNCIONA

Nas provas, eles têm de mostrar excelência técnica, concentração e determinação de campeão para conseguir a medalha de ouro na etapa nacional.

As seletivas brasileiras vão até 14 de setembro, com organização do Senai.

Participam das provas 342 competidores de todos os estados e do Distrito Federal, que vão disputar vagas em 45 ocupações.

Os jovens são desafiados a executar tarefas do dia a dia das profissões que escolheram, dentro de prazos e padrões internacionais de qualidade.

SOBRE A WORLDSKILLS INTERNATIONAL

A entidade trabalha desde 1950 para o desenvolvimento e a excelência das ocupações técnicas, o torneio reúne competidores de países e regiões da América, Europa, Ásia, África e Pacífico Sul.

Em 2017, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, a delegação do Brasil obteve o segundo lugar geral.

O catarinense Bruno D’Ávila Gruner, foi o melhor do mundo na ocupação de polimecânica e automação.

 

Fonte: Jornal de Blumenau | Foto: Divulgação

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário