Após tiros no chão em supermercado, homem com mandado de prisão é preso, em Pomerode

Policiais militares realizavam rondas e Visita Preventiva Comercial pelo bairro Pomerode Fundos, quando visualizaram no interior de um Supermercado, próximo ao caixa, um homem já conhecido das guarnições com mandado de prisão ativo.

Ele já havia se evadido de motocicleta em data anterior, logo após ter recebido ordem de parada durante abordagem policial.

Assim que entraram no estabelecimento comercial, os policiais deram ordem para que o homem colocasse a mão na cabeça, viesse na direção da porta e encostasse na parede.

Resistiu verbalmente, mas acatou a ordem em um primeiro momento, no entanto, ao chegar próximo da porta, saiu correndo pela rua e foi em direção aos fundos do Supermercado.

Os policiais acompanharam o homem em fuga, que em determinado momento parou, mas novamente não obedeceu a ordem para deitar no chão, se negando o tempo todo a se submeter a determinação policial.

Neste instante, o foragido investiu contra um dos policiais militares tentando tomar sua arma e, durante a luta corporal ocasionou dois disparos no chão. Ao perceber que não conseguiria pegar a arma empreendeu fuga novamente.

Em ato continuo, o policial militar jogou a arma para seu companheiro para resguardar a si próprio e ao homem que tentava fugir.

O homem investiu contra o policial com socos e chutes, ameaçando-o de morte, contudo, ao chegar apoio de outros militares, foi imobilizado e algemado, sendo conduzido para a viatura.

Diante dos fatos, os policiais militares deslocaram ao IGP, a fim de realizar o exame de corpo de delito no conduzido e nos próprios policiais militares, deslocando ao Presídio Regional de Blumenau em seguida, em cumprimento aos dois mandados de prisão ativo que havia em desfavor do homem expedido pela Comarca de Navegantes e Balneário Piçarras, ambos pelo crime de Tráfico de Drogas.

Redação Misturebas

Foto: PM/Gein

1 Resposta

  1. Parabéns a polícia…
    Mas é uma triste realidade que em nosso Brasil, as reportagens não podem ser mostrado fotos e nomes de criminosos…
    Mas as vítimas de estupro ou agressões tem suas fotos e nomes completos divulgados

Deixe um comentário