Alunos da Furb apresentam modelos de negócios em feira que estimula a inovação

Vinte e dois modelos de negócios idealizados por alunos da Furb estarão em exposição na próxima terça-feira, 13 de novembro, no galpão de Arquitetura e Urbanismo da universidade. Eles integram a programação da segunda edição da Feira de Inovação, vinculada à Semana Global do Empreendedorismo do Sebrae.

Além de conversarem com agentes ligados ao ecossistema de inovação da região, os estudantes apresentarão suas ideias a uma banca de jurados.

O grande vencedor terá direito a uma mentoria sobre modelo de negócios e um encontro a cada 15 dias, durante três meses, com a aceleradora de startups Spin, além de poder usar por um mês um espaço na Offcina Coworking e realizar uma visita à empresa Hi Platform.

Tecnologia Google

Com sede em Blumenau, a Posthaus, uma das maiores lojas online do país, acaba de implantar uma tecnologia desenvolvida pelo Google, chamada Progressive Web Apps, que ajuda a melhorar a experiência do usuário e permite acesso rápido mesmo em áreas de baixa conectividade. A empresa, que vê 60% dos acessos ao seu portal virem de celulares, é o primeiro e-commerce especializado em moda do país a aderir à ferramenta.

Parceria pela inovação

O Grupo NSC firmou parceria com a Spin, aceleradora de startups com foco na indústria, para oferecer aos catarinenses, por meio de seus canais de comunicação, conteúdos sobre empreendedorismo, startups e tecnologia. Segundo o diretor de Negócios da NSC, Delton Batista, o objetivo é disseminar informações sobre o potencial do ecossistema de inovação catarinense.

O lançamento oficial ocorre no dia 22 de novembro no Spin Up Summit 2018, em Jaraguá do Sul. A Spin é uma das parceiras do portal negociossc.com.br, plataforma lançada em outubro pela NSC com o objetivo de fomentar a economia do Estado.

Balanço

A Senior cresceu 23% no terceiro trimestre. Em volume, as vendas chegaram a R$ 83 milhões. De acordo com a empresa blumenauense de soluções em gestão, um dos destaques do período ficou por conta da área de cloud computing, cujos resultados foram 78% superiores na comparação com 2017.

 

Fonte: NSC

Nenhum comentário publicado.

Deixe um comentário